Confira neste artigo a importância de se planejar da maneira correta na hora de reformar a sua casa, para que ela não acaba virando um problema.

Bem, como você bem sabe, é o sonho da maioria das pessoas construir um lar aconchegante, no qual sua família inteira possa curtir e desfrutar da melhor maneira possível. Muitas pessoas optam por comprar ela já pronta, e outras acabam optando por reformar ou construir do zero, neste post vamos abordar a importância de um bom planejamento, e dar algumas dicas de como realizar isto.

Começando o projeto

 

WhatsApp Image 2018-09-24 at 14.53.37
Figura 1 – Plantas para construção civil – Fonte: Google

Infelizmente o barulho, o entulho, a quebradeira, e os altos gastos fazem parte do cotidiano da construção civil, ora você queira reformar ou construir a sua casa, mas realizando um bom planejamento, você pode acabar reduzindo significativamente as dores de cabeça causada por estes fatores, que não são poucas. Quem já fez reforma e nunca se deparou com o engenheiro ou mestre de obras te ligando e informando sobre um novo imprevisto na obra, não há situação mais aborrecedora do que esta. Com um planejamento bem elaborado, e planejando e antecipando estes tais problemas, você acaba diminuindo os riscos de imprevistos, desperdícios de materiais, atrasos em relação aos prazos e uma coisa que acaba gerando muito mais aborrecimento, despesas excessivas.

Defina o seu escopo da obra

Como dito por Isabella Arruda em ” Falta de planejamento, O grande problema! ” “[…] O gerenciamento do escopo é feito através da coleta de informações, que é uma base para as futuras decisões do projeto. […]” , post que recomendo muito pois aborda de uma maneira muito abrangente a importância do planejamento em qualquer projeto.

Um bom planejamento depende principalmente da elaboração de um bom escopo, nele você irá decidir o que será feito e qual caminho seguir, com ele você irá evitar que a obra seja um verdadeiro fiasco, no qual hajam inúmeros imprevistos, os quais acabarão resultando em mais gastos para encontrar soluções, isso sem falar do prazo que irá se estender cada vez mais, você não irá querer isto para a sua obra, certo?

WhatsApp Image 2018-05-06 at 16.43.45
Figura 2 – Prioridades – Fonte: Google

Assim, nada de comprar materiais ou contratar mão de obra sem primeiro ter definido seu escopo do projeto, mas estamos falando de um escopo bem elaborado, no qual esteja tudo bem explicado e idealizado da maneira correta, é importante definir o objetivo da reforma, quantos cômodos, o número de banheiros, a planta da casa, da água, todas as questões burocráticas para que a sua casa esteja de acordo com a legislação em vigor, uma vez que as prefeituras e o corpo de bombeiros são responsáveis por dar as licenças e fiscalizar a sua obra, e não cumprir os

requisitos poderá acarretar em multas, multas estas que não são de baixo valor, então é melhor evitarmos dores de cabeça, né?

Acredite, é um erro iniciar a reforma sem ter as sua metas claramente estipuladas, pular esta etapa acaba acarretando em indecisões e gerando falhas graves durante o processo. E por mais que seja comum, o ideal é não deixarem as reformas tomarem o seu próprio rumo, ou deixar para ver no que vai dar.

Divida o seu projeto em etapas

WhatsApp Image 2018-09-18 at 19.35.06
Figura 3 – Calendário – Fonte: Google

Dentre as boas estratégias para realizar a reforma, podemos citar organizar um cronograma e dividi-lo em etapas. Essa medida por mais simples que pareça, irá otimizar o seu tempo, fazendo com que haja mais produtividade na obra, aumento desta maneira também a organização da sua obra. Prever esse fluxo simplifica até mesmo o suprimento dos materiais de construção e, claro, o controle dos gastos.

De fato quando se fala em reforma, há pessoas que preferem começar pelos cômodos e áreas de maior convivência dos moradores, e é certo, não há uma regra a seguir quando se fala em reforma, cada pessoa pode iniciar do jeito que melhor entender, porém é de suma importância que você seja organizado e siga um fluxo e cronogramas para que obtenha uma maior produtividade.

Vai criar ou derrubar paredes?

Consulte um profissional competente, um engenheiro civil, especializado em estruturas, lembre-se sempre que construção é coisa séria, você e sua família irão morar ali, ou mesmo que não fosse sua família, há vidas em risco, então nem pense em sair fazendo mudanças na estrutura da sua casa sem antes consultar um profissional, há casos em que as pessoas saem fazendo mudanças na estrutura da casa sem uma devida orientação, e paredes acabam desabando, ou até mesmo a casa e colocando em risco vidas, então, não se arrisque, procura um profissional.

Faça um orçamento detalhado

WhatsApp Image 2017-11-25 at 10.56.42
Figura 4 – Orçamento – Fonte: Google

Como dito pelo Diego Rodrigues santos em “Quer pagar quanto? A importância da gestão de custos em um projeto”         “[…]A gestão de custos tem grande impacto na viabilidade do projeto e por isso tem bastante destaque  de  análise pelos profissionais envolvidos em seu controle pois evita custos, reduz despesas, elimina desperdício além de minimizar  erros e falhas, ou seja , caso não se faça um bom gerenciamento de custos a resposta da pergunta elaborada no titulo se torna clara, sendo um projeto com tendência ao superfaturamento além de possibilitar  atrasos. […]”

Tendo em vista isso, vemos que chegamos em umas das partes mais importantes para o seu bolso, não saia comprando materiais e pagando mão de obra feito um louco, planeje-se, faça um orçamento no computador no qual esteja um levantamento de absolutamente todos os custos que você terá na obra, este orçamento deverá conter gastos com ferramentas simples, até blindex ou coisas relacionadas, é importante que você tenha os gastos mais baixos até os mais altos, uma vez que, os produtos que podem parecer baratos, num levantamento total, podem acabar somando altos gastos e se você não tiver controle deles, acabará perdendo o controle financeiro da sua obra.

WhatsApp Image 2018-09-06 at 20.20.52
Figura 5 – Pilha de livros – Disponível em:  https://pixabay.com/pt/livros-pilha-aprenda-estudo-1015594/

Para ser fiel ao seu orçamento original é importante que você anote tudo no papel, pesquise e compare preços, pois sempre haverá algum lugar onde você pode encontrar uma boa variação de preços, negocie antes de fechar as compras, uma vez que estamos falando de grandes quantidades, estude as formas de pagamento, e sempre procure pelo melhor custo-benefício possível, e nisso estamos nos referindo quanto ao material, como à mão de obra.

 

Transtornos acontecem em toda obra

Por último, é importante ressaltarmos que por mais que nos planejemos, iremos ter alguns transtornos numa obra, ainda mais se você decidiu continuar morando na sua residência durante a reforma, sempre haverá poeira e um pouco de entulho, e é inevitável que alguns  imprevistos aconteçam, entretanto, com um bom projeto elaborado e prevendo desde o começo situações adversas, pode-se diminuir significativamente as dores de cabeça e os gastos desnecessários.

O objetivo deste post é fazer que você consiga fazer uma boa reforma sem ter mutias dores de cabeça, e visando sempre o melhor custo benefício para o leitor, quem não gosta de pagar menos?

Recomendo ao leitor que leu e ficou interessado no assunto do planejamento e gestão, que acesse o site de Gerenciamento de Projetos da Universidade Veiga de Almeida para conhecer mais da importância do assunto.

E você? Já sabe  quando vai reformar sua casa?  Conte-nos

Referências bibliográficas

Arruda, Isabela. Falta de planejamento, o grande problema! In: UVAGPCLASS, Rio de Janeiro, 1 de outubro/2018. Disponível em: <https://uvagpclass.wordpress.com/2018/10/01/falta-de-planejamento-o-grande-problema/&gt; Acessado em 02 de Setembro/2018

Carla, Joyce. 9 dicas para reformar a casa sem gastar muito. Disponível em: <https://www.serasaconsumidor.com.br/ensina/suas-economias/9-dicas-para-reformar-a-casa-sem-gastar-muito/&gt; Acessado em 02 de Setembro/2018

Rodrigues, Diego. Quer pagar quanto? A importância da gestão de custos em um projeto. In UVAGPCLASS, Rio de Janeiro, 1 de outubro/2018Disponível em: <https://uvagpclass.wordpress.com/2018/10/01/quer-pagar-quanto-a-importancia-da-gestao-de-custos-em-um-projeto/&gt; Acessado em 03 de setembro/2018

Rossi, Fabrício. 7 Simples e Eficazes Dicas para Reformar a sua Casa, Passo a Passo! Disponível em: <https://pedreirao.com.br/7-simples-e-eficazes-dicas-para-reformar-a-sua-casa-passo-a-passo/&gt; Acessado em 02 de setembro/2018

Victorelli, Adriana. Confira 10 dicas para planejar e concluir uma reforma sem sofrimento. Disponível em: <https://revista.zapimoveis.com.br/confira-10-dicas-para-planejar-e-concluir-uma-reforma-sem-sofrimento/&gt; Acessado em 02 de Setembro/2018