Nos dias atuais as grandes empresas sofrem uma avalanche diária de inovação, isso dado graças aos recursos da tecnologia e a internacionalização econômica que sofrem variações constantes.

As empresas precisam estarem atentas, e se moldarem conforme o cenário mais favorável para elas, com isso os gerentes de projetos foram vistos como a forma mais eficaz de resolver essas situações, de acordo com Vargas (1998, p. 77), “a estrutura da maioria das empresas é burocrática e lenta e todos os últimos fatos mostram que esses modelos não conseguem dar uma resposta razoavelmente rápida em um ambiente em constante mutação”. Tem-se que uma estrutura orientada por projetos, possui uma maior capacidade de responder de maneira satisfatória as mudanças.

Os gerentes de projetos são responsáveis por gerir essas mudanças que pode ser uma pequena mudança em um portfólio de uma industriar, até a ampliação de uma fábrica para o aumento da capacidade de produção, ou, até mesmo, na construção de uma nova unidade industrial para atender novos mercados e expandir os negócios.

E é no momento antes de se iniciar o planejamento de um projeto que é necessário o estudo de viabilidade econômico onde entra o VPL (valor presente liquido) ou Net Present Value (NPV) do projeto, analisando e criando estratégias que possam avaliar o empreendimento, considerando todos os pontos necessários para verificar se o mesmo terá condições de manter-se nos primeiros tempos, e também no futuro, estabelecendo os parâmetros para a continuidade do negócio e contribuindo para uma boa tomada de decisão, com menores chances de erros, que irão mostrar se o investimento será viável e se será capaz de trazer retornos financeiros para a empresa.

     Figura 01 – Estudo de viabilidade

WhatsApp Image 2018-05-06 at 17.32.47

                                               Fonte: http://lhassociados.com.br/

ENTENDENDO A ORIGEM DO VPL

Já Karl Marx refere-se ao VPL como capital fictício, e o cálculo como “capitalizando”, escrevendo:“A formação de um capital fictício é chamada de capitalização. Cada receita periodicamente repetida é capitalizada calculando-a na taxa média de juros, como um rendimento que seria realizado por um capital a essa taxa de juros.”  (Karl Marx, séc. XIX)

Em 1907, o economista Irving Fischer apresenta o valor presente líquido como ferramenta de tomada de decisão, propondo o desconto do fluxo de caixa projetado a uma taxa que reflita o risco do investimento, sendo incluído em livros didáticos e de finanças a partir de 1950.

Mas tarde em 1999 Ross, Westerfield & Jaffe (1999) levantam que a origem do Valor Presente Líquido está fundamentada no reconhecimento da influência do tempo em relação aos capitais, esses autores chegaram a essa concepção pela perda de valor do capital futuro ao longo do tempo, quando ele é descontado para um Valor Presente.

O Valor Presente Líquido é a determinação, a valores presentes, de um determinado fluxo de caixa. Em geral, o fluxo de caixa é representado pelo conjunto de entradas e saídas em determinado horizonte de tempo para análise (GITMAN, 2005). Por vezes, o horizonte de análise pode ser perpétuo, infinito. Os valores são descontados a determinada taxa, sendo essa referida “como taxa de desconto, retorno exigido, custo de capital, ou custo de oportunidade”(GITMAN, p. 173, 2005).

Figura 02 – Evolução do conceito do VPL

WhatsApp Image 2018-05-06 at 17.32.48Fonte:  http://wankesleandro.blogspot.com.br/2010/06/como-calcular-viabilidade-de-um-projeto.html

APLICANDO O VPL 

O valor presente líquido, mas conhecido como VPL, é simplesmente o jeito de saber se aquele projeto ou aquele investimento que sua empresa fará será viável ou não, logo é com ele que sua empresa definirá se aplicar determinada receita em um projeto futuro trará retorno ou se o investimento será deficitário e, portanto, inviável.

Além de calcular o retorno esperado e comparar com o investimento, ele também pode calcular o valor real do ganho do investimento já que também considera a valorização do capital com o decorrer do tempo, ou seja, considera os juros que a sua empresa receberia se, ao invés de realizar o investimento, ela simplesmente fizesse a opção de colocar o dinheiro no banco.

 

COMO O VPL FUNCIONA

O Valor Presente Líquido de um fluxo de caixa é o valor monetário de todo o fluxo no tempo atual ou ao iniciar um investimento. Para ter este valor, é necessário somar as receitas líquidas futuras descontadas ao valor presente com uma taxa de desconto (ou taxa mínima de atratividade (TMA)). Onde a  taxa de desconto tem uma relação com a taxa de lucratividade do projeto, que é o retorno mínimo que se espera para um projeto ser aceito.

Esses cálculos funcionam da seguinte forma e a formula do VPL segue 7 passos importantes que são eles:

  1. Definição do valor do investimento inicial;
  2. Definição do período de análise;
  3. Definição da estimativa de entrada de caixa para cada período;
  4. Definição da taxa de desconto apropriada;
  5. Entradas de caixa descontadas;
  6. Soma das entradas de caixa descontadas e subtração do investimento inicial;
  7. Definição da viabilidade do investimento.

 

FORMULAS DO VPL 

 

                           Figura 03 –  Representação da formula  matemática utilizada para calcular o valor presente futuro

WhatsApp Image 2017-05-28 at 22.16.00

                        Fonte:  https://www.treasy.com.br/blog/valor-presente-liquido-vpl

Onde:

VPL = Valor Presente Líquido
FC = fluxo de caixa
t = momento em que o fluxo de caixa ocorreu
i = taxa de desconto (ou taxa mínima de atratividade)
n = período de tempo

 

     Figura 04 – Fórmula opção de calculo do VPL, com ela podemos calcular e obter o mesmo resultado da anterior

WhatsApp Image 2017-05-28 at 15.30.40

                 Fonte:  http://hcinvestimentos.com/2017/01/17/valor-presente-liquido/#

Onde:

VPL = Valor Presente Líquido
FC = fluxo de caixa
TMA=taxa mínima de atratividade
n = período de tempo

 

EXEMPLO DE APLICAÇÃO DO VPL 

Pegamos uma empresa que esteja pensando em investir em cota de fundo imobiliário que paga 0,7% ao mês por 2 anos. O valor dessa cota é de R$ 15.000,00.

Como primeiro passo, definimos o fluxo de caixa:

Usando a Fórmula 2 VPL :

Figura 5 – Representação do fluxo de caixa do exemplo pratico

VPL fórmula fluxo de caixa

Fonte:  https://www.treasy.com.br/blog/valor-presente-liquido-vpl/

Feito isso, vamos definir a taxa de desconto, ou taxa mínima de atratividade. Como fundos imobiliários oferecem mais risco quando comparados aos títulos de governo, utilizaremos uma taxa de 12,1% ao ano.

Em seguida, calcularemos o valor presente de cada um dos fluxos:

Figura 06 – Representação do calculo do VPL do exemplo pratico
VPL fórmula exemplo 1

Fonte:  https://www.treasy.com.br/blog/valor-presente-liquido-vpl/

Por fim, conforme a fórmula apresentada, somaremos os valores. No nosso exemplo, teremos que: VPL= -821,24 R$

Sabendo que:

  • VPL Negativo = despesas maiores que as receitas, logo , o projeto é inviável;
  • VPL Positivo = receitas maiores que as despesas, logo, o projeto é viável;
  • VPL Zero = receitas e despesas são iguais, logo, a decisão de investir no projeto é neutra.

P: A pergunta que queríamos saber com o nosso exemplo era se valeria a pena  o investimento?

 R: Vimos que o resultado foi negativo, logo nosso projeto é inviável, e isso podemos perceber logo, quando consideramos que o investimento rende 8,7% ao ano e a taxa de desconto adotada foi de 12,1% a.a.

 

CONCLUSÃO 

Concluímos que, antes de qualquer estudo dos fundamentos de um projeto empresarial, é necessário, primeiramente, entender todo o processo operacional do empreendimento em questão, compreendendo claramente a proveniência de suas receitas e também os seus potenciais gastos futuros, além do ambiente como um todo e as perspectivas de mercado daquela conjuntura societária, e como esses fatores podem afetar este projeto.

Tomada essas precauções, certamente o cálculo do Valor Presente Líquido se mostrará uma alternativa bastante viável e coerente no que diz respeito a uma análise de projeto podendo mostrar se ele é viável ou não.

Figura 07 – Processos Operacionais

WhatsApp Image 2018-05-06 at 17.32.48 (1)

Fonte: http://ferramentasparainovar.blogspot.com.br/2014/12/viabilidade-de-projetos-de-inovacao.html

Se tiver interesse em saber mais sobre o assunto, acesse em UVAGPCLASS os post dos caros colegas Gláucia Veríssimo Post: Análise da Viabilidade – VPL – Valor Presente Líquido  e Jennipher Bruno Post: Análise de Viabilidade – TIR

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

ANÁLISE DE VIABILIDADE –  2018 Sigma Gerenciamento de Projetos – Tema Glob  por FameThemes Disponível em :https://www.sigmagp.com.br/blog/2017/06/28/analise-de-viabilidade-nos-projetos-industriais; Acessado dia 14 de maio de 2018.

BRUNO Jennipher : Análise de Viabilidade – TIR – Disponível em: https://uvagpclass.wordpress.com/2017/11/20/analise-de-viabilidade-tir/ ; Acessado dia 22 de maio de 2018

CARVALHO Henrique – HC Investimentos – Valor Presente Líquido: o que é o VPL e por que isso é importante para os seus investimentos? – Disponível em: http://hcinvestimentos.com/2017/01/17/valor-presente  Acessado dia 15 de maio de 2018

LACERDA Daniel  – universidade federal do rio de janeiro – ufrj – Analisando algumas ferramentas de Análise de Investimentos à luz da Teoria das Restrições – Disponível em :www.aedb.br/seget/arquivos/artigos07/1266_Artigo_TOC_Anal_SEGET.pdf ; Acessado dia 15 de maio de 2018.

TREASY – Veja como o Valor Presente Líquido (VPL) ajuda na análise de viabilidade de um investimento – Disponível em :www.treasy.com.br/blog/valor-presente-liquido-vpl; Acessodo dia 16 de maio 2018.

VERÍSSIMO Gláucia : Análise de Viabilidade – VPL – Valor Presente Líquido. In: https://wordpress.com/read/feeds/60291340  04 de Dezembro de 2017 – Disponível em: Análise da Viabilidade – VPL – Valor Presente Líquido;Acessado dia 22 de maio de 2018

WIKIPÉDIA – Disponível em: pt.wikipedia.org/wiki/Valor_presents_l%C3% ; Acessado dia 15 de maio de 2018.

Anúncios