Você sabe o que é a Metologia FEL? Sabe o que significa essas sigla? Ao final desse post você saberá exatamente exatamente como ela funciona e sua importância. Não deixe de ler, aposto que um dia ela será útil para você!

No início dos anos 60, o gerenciamento de projetos foi formalizado como ciência e, segundo Prado (2004), tem como objetivo reunir e recomendar práticas que levam ao cumprimento das metas, entrega dos benefícios esperados e aderência à estratégia empresarial. Com o aumento dos projetos no novo cenário mundial, aparece então a necessidade de novas ferramentas que ajudem no desenvolvimento. Na disciplina estudada em aula vemos que precisamos de algumas ferramentas para contribuir para o êxito do projeto, a FEL é uma delas, apesar de ser uma metodologia nova, ela se mostra uma forte aliada para  ajudar no planejamento bem sucedido de um projeto. O objetivo desse post é mostrar como a FEL estrutura e sistematiza as fases de desenvolvimento do projeto.

 

WhatsApp Image 2018-05-16 at 21.32.51

                    Figura 1 –  Gráfico de crescimento dos associados em um intervalo de 10 anos que estudam ou praticam o Gerenciamento de Projetos em  / Fonte: http://www.ebah.com.br/content/ABAAAAC9kAJ/gerenciamento-projeto

 

A metodologia FEL (Front-End Loading), não pode ser traduzida ao pé da letra, ou seu significado não faria muito sentido, de fato ela quer dizer: Validar ou Autorizar por partes. O FEL foi idealizado pelo IPA (Independent Project Analysis) empresa de consultoria fundada em 1987 que sempre atendeu serviços complexos e é considerada a líder mundial no mercado de análise quantitativa de sistemas de gestão de projetos. O FEL “nasce”da necessidade do mercado de criação de metodologias que tivesse foto na etapa de planejamento e buscassem um equilíbrio entre os resultados sociais, econômicos e ambientais. No Brasil, esta metodologia vem ganhando destaque na indústria de petróleo e gás que possui projetos de grande porte.

Moura (2008) cita que o IPA desenvolveu o FEL para nortear a tomada de decisão das partes interessadas do projeto, se baseando no banco de dados contendo os benchmarks dos projetos.

Segundo Barshop (2004), Front-End Loading é um processo pelo qual uma companhia traduz suas oportunidades de negócio em projetos de capital. A meta é alinhar objetivos do projeto com a necessidade do negócio e desenvolver o mais eficiente projeto (design) e planejamento de execução para atingir os objetivos do empreendimento

De acordo com Merrow (1997) a metodologia FEL torna os projetos multidisciplinares em que todos têm responsabilidade e melhora a produtividade dos projetos usando a melhor tecnologia disponível.

O ciclo de vida de um projeto é caracterizado por três etapas : “Desenvolvimento”, “Execução” e “Operação”. Nesse post a etapa que vamos estudar é a de Desenvolvimento que é dividida em 3 fases (FEL 1, FEL2, FEL3). Para cada fase têm-se um conjunto de atividades que determinam o planejamento do projeto, ou seja : o que será feito, quanto, por quem e quais os recursos necessários. Ao final de cada uma dessas fases são estabelecidos “Gates” momento em que as definições, premissas e restrições são consideradas para decisão quanto ao prosseguimento ou não à fase seguinte. Vide figura abaixo:

WhatsApp Image 2018-05-15 at 20.47.39

                    Figura 2 –  Diagrama metodologia FEL / Fonte: http://nelsonrosamilha.blogspot.com.br/2012/07/gestao-de-projetos-utilizando-front-end.html – acesso em Maio 2018

 

FEL I : Planejamento do negócio

Nessa fase tem como objetivo validar o negócio, ou seja, criar valor, analisar e identificar as oportunidades através de análise do negócio. Nesse momento são definidos indicadores de desempenho, alinhados com as estratégias da empresa,que serão utilizados como referência para o projeto. Alguns dos indicadores utilizados no planejamento do negócio seria: VPL (Valor Presente Líquido), TIR (Taxa Interna de Retorno), VPI (Valor Presente do Investimento). No FEL 1 são levantados as aquisições de equipamentos, as necessidade estimadas de mão de obra e materiais e os custos administrativos. 75% das ideias não passam do primeiro Gate.

FEL II: Planejamento da seleção de alternativas

 O objetivo dessa fase é direcionar o projeto, definir as premissas, atualizar os dados econômicos e começar a definição do projeto. Ou seja, a fase 2 inicia a preparação do projeto para que sejam estudadas as viabilidades econômicas-financeiras e assim aprovadas pelos sócios e diretores da empresa. O retorno financeiro que o projeto trará, muitas vezes é o fator decisivo na escolha e aprovação do projeto.

Dos projetos remanescentes do FEL 1, normalmente 50% deles seguem para a última e crucial etapa de validação, o FEL 3.

FEL III: Planejamento da Implantação do Empreendimento

Nesta fase o foco é a preparação para aprovação corporativa com relação ao escopo, custos, prazos e parâmetros associados a reuntabilidade, e sua futura implantação. Durante essa etapa, desenvolve-se o Projeto Básico, aquele, cujo detalhamento, permite assegurar estreita margem de erro entre o planejado e o realizado.

O término da Fase 3 coincide com o final do Projeto Básico.

 

Exemplificando:

Para relacionar a Metodologia FEL aos processos de Pesquisa Mineral, por exemplo, vamos considerar que o objetivo do projeto seja a validação de uma jazida mineral. As etapas são agrupadas em função das características dos resultados alcançados para cada etapa.

FEL I –  são realizadas pesquisas sobre o potencial geológico das áreas que serão estudadas. Essa fase estudará as pesquisas bibliográficas, sensoriamento remoto e mapeamento geológico regional. O resultado dessa fase gerará uma tomada de decisão para decidir se o projeto avançará para a próxima fase.

FEL II – fase de desenvolvimento que consiste no planejamento e execução  dos trabalhos de exploração mineral, detalhando as análises feitas em FEL I. A FEL II estuda por completo  os stakeholders, custos, prazos e riscos. Nessa fase determinamos a execução de Mapeamento Geológico de Detalhe, Amostragens, Geofísica e Sondagem.

FEL III – fase onde é estudada a viabilidade técnica e econômica da Jazida, são finalizados os trabalhos de cálculo e por fim, é validada a existência de uma jazida mineral na área pesquisada. O encerramento do projeto ocorre nessa fase, onde são encerrados contratos, tomadas novas decisões e documentadas todas as informações do projeto de acordo com as fases. Além disso, são preparados os planejamentos das atividades, ou seja, a manutenção das rotinas.

 

Conclusão 

O sucesso da gestão de projetos está frequentemente associado ao cumprimento dos custos orçados e de prazos, bem como ao atendimento das necessidades do cliente final. Diante do texto acima, podemos concluir que através da metodologia FEL conseguimos abordar métodos numéricos para o gerenciamento do projeto sendo possível desenvolver uma definição detalhada do escopo, alinhando-os plenamente aos objetivos estratégicos da empresa.

A análise deve ser iniciada na concepção do projeto. Como visto em sala de aula, quanto mais detalhado o projeto no seu início,  menor será a chance de erros, trazendo assim melhores impactos sobre os custos e eficiência. Um bom FEL minimiza os riscos, aumenta a confiança, fornece parâmetros prévios para o controle do projeto, possibilitando aos gerentes de projetos uma visão antecipada de riscos e uma análise mais precisa de tempo e custos.

 

Para consultar outras informações sobre o tema, indico aqui os posts de dois colegas, Camilla Bello e Mario Vasconcelos que também compartilharam seus conhecimentos sobre o Front End Loading:

 

WhatsApp Image 2018-05-16 at 21.26.52
Figura 3 –  Metodologia é trilha, ou seja, podemos mudar de opção no meio do caminho. / Fonte: https://pt.slideshare.net/leozitodias/pmi-apresentao-ix-seminrio-de-gerenciamento-de-projetos-do-es – acesso em Maio 2018

Por fim, deixo como inspiração a frase abaixo dita por Abraham Lincoln que resume bem a necessidade de um planejamento inicial bem feito e bem detalhado, trazendo maior garantia de sucesso.

“Se eu tivesse nove horas para cortar uma árvore, passaria seis horas afiando o meu machado”. (Abraham Lincoln)

 

Referências Bibliográficas

BARBOSA, Poliana. PINHEIRO, Natalia. JUNIOR, Wilson – METODOLOGIA FEL: SUA IMPORTÂNCIA NA AVALIAÇÃO DE RISCOS E REDUÇÃO DE IMPACTOS EM ESCOPO, TEMPO E CUSTO DE PROJETOS COMPLEXOS DE ENGENHARIA. <http://www.abepro.org.br/biblioteca/enegep2013_TN_STO_183_043_22900.pdf> Acesso em maio 2018

BELLO, Camilla. Análise de Viabilidade – Você conhece a Metodologia FEL (Front End Loading)? In: UVAGPCLASS, Rio de Janeiro, 04 de Setembro de 2017. Disponível em: <https://uvagpclass.wordpress.com/2017/09/04/voce-conhece-a-metodologia-fel-front-end-loading/> Acesso em maio 2018.

ESTRATÉGIA PRODUTIVA – Front End Loading. <http://estrategiaprodutiva.com.br/front-end-loading/> Acesso em maio 2018.

FERREIRA, Jose –  MELHORES PRÁTICAS PMBOK E METODOLOGIA FEL: FERRAMENTAS PARA A REDUÇÃO DAS COMPRAS EMERGENCIAIS EM MEGAEMPREENDIMENTOS INDUSTRIAIS DE MINERAÇÃO NO BRASIL.< http://www.avm.edu.br/docpdf/monografias_publicadas/K234788.pdf> Acesso em maio 2018.

MORAES, G. Fernando – CONTRIBUIÇÃO AO ESTUDO DA CONCEPÇÃO DE PROJETOS DE CAPITAL EM MEGA EMPREENDIMENTOS. <http://www.bibliotecadigital.ufmg.br/dspace/bitstream/handle/1843/ISMS-87YJV2/disserta__o_completa_220_pags.pdf;jsessionid=42FD10240269AB432818014DB7E9BE72?sequence=1> Acesso em maio 2018.

RAGGI, Jorge – GESTÃO DE PROJETOS DE MINERAÇÃO – Riscos de Investimentos <http://geoconomica.com.br/livros/gestao-projetos-mineracao>. Acesso em maio 2018

ROCHA, Pedro – ESTUDO DE FERRAMENTAS DE AVALIAÇÃO DE MATURIDADE EM PROJETOS DE CAPITAL.<http://www.bibliotecadigital.ufmg.br/dspace/bitstream/handle/1843/ISMS-999PUF/pedro_rocha_galv_o_junior.pdf?sequence=1> Acesso em maio 2018

ROSAMILHA, Nelson – Gestão de Projetos utilizando Front End Loading <http://nelsonrosamilha.blogspot.com.br/2012/07/gestao-de-projetos-utilizando-front-end.html>. Acesso em maio 2018

RUTKOWSKI, S. Estanislau – Front-End Loading – Aplicação do Processo ‘Front-End Loading (FEL)’ no Gerenciamento de Projetos <http://www.techoje.com.br/site/techoje/categoria/detalhe_artigo/682>. Acesso em maio 2018.

SOUZA, Leonardo – A Aplicação da Metodologia Front-End Load (FEL) em Projetos Minerais de Pequeno a Médio Porte – Uma Realidade Viável? – PARTE FINAL < http://www.clgeo.com.br/artigos/metodologia-fel-em-projetos-minerais/> Acesso em maio 2018.

VASCONCELOS, Mario. Metodologia FEL (Front End Loading). In: UVAGPCLASS, Rio de Janeiro, 01 de Dezembro de 2017. Disponível em: <https://uvagpclass.wordpress.com/2017/12/01/metodologia-fel-front-end-loading/> Acesso em maio 2018

Imagens

Figura 1 – <http://www.ebah.com.br/content/ABAAAAC9kAJ/gerenciamento-projeto> Acesso em maio 2018

Figura 2 – <http://nelsonrosamilha.blogspot.com.br/2012/07/gestao-de-projetos-utilizando-front-end.html> Acesso em maio 2018

Figura 3 – <https://pt.slideshare.net/leozitodias/pmi-apresentao-ix-seminrio-de-gerenciamento-de-projetos-do-es> Acesso em maio 2018

Anúncios