A Era Digital está em alta e trouxe mudanças na vida pessoal da sociedade e também no mercado de trabalho. Hoje em dia existem pessoas que pagam suas contas apenas com suas redes sociais, gostaria de saber mais sobre o que essas pessoas que influenciam fazem e gostaria de saber como se tornar um desses influenciadores? Esse post é perfeito para você.

Nos dias de hoje, a maioria das pessoas conhecem o termo “Digital Influencer”, aos que não sabem o que o termo significa, uma breve explicação:  nada mais é que um produtor de conteúdo que utiliza seus canais para influenciar comportamentos tanto na internet, como fora dela.

O termo está tão comum que é provável que, antes de começar a ler este post, você tenha visto algum perfil no Facebook, YouTube ou Instagram, no qual a pessoa se descreve como um influenciador digital.

A figura do influenciador sempre existiu na internet em páginas como Fotolog, Flogão e a usar as redes sociais como canais estratégicos de divulgação para seus produtos e serviços.
Todos os exemplos citados acima chamaram a atenção de grandes marcas não só pela quantidade de seguidores que têm, mas porque falam para uma audiência segmentada, portanto, rendem um tipo de publicidade mais assertiva do que outdoors e comerciais de TV.
De acordo com um estudo feito pela SocialChorus, campanhas com influenciadores podem ter um engajamento até 16 vezes maior do que a publicidade em outros meios de comunicação.
Outra pesquisa feita pela Nielsen, empresa especializada no comportamento dos consumidores, mostrou que 90% dos clientes confiam na recomendação de outras pessoas para comprar um produto, enquanto apenas 33% se dizem influenciados por anúncios.
Por causa desse potencial para gerar negócios, os digital influencers ganharam autonomia para negociar valores e ganhar dinheiro, a partir do conteúdo que já produziam.

Você deve estar se perguntando o porquê este tema está inserido em um site que fala somente de projetos, porém podemos enxergar as redes sociais nos dias de hoje, para quem quer ser ou já é um influenciador, como um projeto também.

Como tratar seu Instagram como um projeto para fazê-lo crescer e se tornar seu instrumento de trabalho?

 

WhatsApp Image 2017-10-18 at 01.26.45
Figura 1 – O Mercado dos Influencers / Fonte: Terra

Muitos dos nossos objetivos e metas, tanto pessoais ou ligados ao nosso trabalho, se tornam projetos e constantemente temos que saber gerenciar para que possamos chegar a um resultado.

Porém, como chegar a um número de seguidores que me permita a trabalhar? Como conduzir meus seguidores e manter eles ligados a mim? Como corrigir problemas? E como fazer isso com qualidade? Como atingir e encontrar meu público alvo?

Assim como os projetos, o trabalho nas redes sociais requer um planejamento, que é o essencial para tal atividade, controlar, medir nossas ações e até corrigi-las.

Quando falamos em tempo, queremos dizer: Início, Meio e Fim. Mas esse fim pode ser um novo começo, com as lições aprendidas, gerar novos públicos e temas falados nas redes, a internet permite que possamos mudar e nos reinventar, assim como ela mesmo se renova sempre.

De acordo com Descartes “o bom senso deve ser o bem mais precioso do mundo”, porém na sua época o mesmo falava que não dava para tomar decisões somente baseado no seu bom senso. Hoje precisa-se métodos para atingir resultados. Você precisa observar como o mercado dos Influencers está se comportando e ter uma percepção do que está saturado, do que está carente, do que é original, do que é novo e do que vende.

Existe um método, gerencial, de melhoria contínua de processos e produtos/serviços de forma a elevar o nível, controlar suas atividades dentro de um projeto, com qualidade, e foco na solução de problemas, que também pode ajudar bastante ao inserir seu nome no mercado de influenciadores. É o Ciclo PDCA, criado por Walter A. Shewart.

O que é o PDCA?

P (plan: Planejar) / D (do: Desenvolver/Fazer) / C (check: Verificar) / A (act: Agir)

 

WhatsApp Image 2017-09-03 at 02.05.06
Foto: PDCA / Fonte: Guia de Projetos

Esse processo é composto por 4 (quatro) etapas podendo ser aplicado perfeitamente no processo de criação de uma conta no Instagram com o foco de se tornar um influencer. Vejamos abaixo:

  1. Planejar

Nesta etapa você deve ter em mente as seguintes situações:

Aonde quero chegar com minha conta no Instagram?
Qual é o público que desejo atingir?
Qual será o tema ou segmento que será tratado em minha rede social?

Conhecer os diversos modelos de planejamento, para que possam ser implementados.

Estabelecer metas e objetivos para acompanhar os resultados gerados e assim poder analisar quais tipos de posts que dão mais certo, que tipo de linguagem usar, roupas que podem ser utilizadas nas fotos, edições que mais dão certo de acordo com o segmento, etc.

   2. Desenvolver / Fazer

Este é o momento onde executamos o plano de ação, hora de pôr a mão na massa. É importante realizar todos os passos planejados na fase anterior, não deixe para depois o trabalho, isso impacta no resultado final e talvez você não obtenha nada. Quanto mais rápido você aplicar o que foi planejado, mais rápido você crescerá em sua conta no Instagram. Lembre-se: tempo é conteúdo, conteúdo é conquista de seguidores, seguidores é dinheiro.

Aqui também fazemos a coleta dos dados apurados, tomamos nota do que aconteceu durante a execução, como por exemplo: resultado de impressões, alcance, visualizações, curtidas, comentários e interação – porém essas informações serão utilizadas nas próximas etapas.

  3. Verificar

É a hora de estudar!

Conectar os dados coletados e obter informações da fase anterior, Do, realizando uma comparação do resultado com o que foi planejado, aqui são encontrados os possíveis erros e falhas. Deve-se monitorar de forma sistemática as ações tomadas, identificando os gaps. Assim você poderá observar o que está gerando seguidores e um bom resultado, que tipo de post funciona mais com seu público e que estilo e marcas eles se interessam mais.

   4. Agir

Com os resultados analisados na fase anterior, se estes geram resultados de impressões agradáveis, adotamos o plano como padrão, pois as pessoas estão gostando do conteúdo que está sendo gerado em sua rede social.

Porém se algo não está certo, é hora de agir.

Com os erros e/ou falhas identificadas é hora de corrigir – agir no problema – e realizar ação Preventiva, onde eliminamos a causa do problema e qualquer outra situação, potencialmente indesejável, que possa suceder, como: falta de qualidade de sua página, uma imagem que está não está sendo zelada, perda de seguidores, perda de influência, etc.
Assim podemos fazer com que o PDCA gire novamente, lembrando que a internet é algo muito repentina, sempre em movimento e inovando, provavelmente o PDCA será usado mais vezes.

Depois que finalmente você encontrar o seu segmento e conquistar o seu público, você deve exercitar seu crescimento de seguidores e reconhecimento no mercado, sempre procurar gerar um conteúdo autêntico para que você dê um motivo para que as pessoas possam seguir você e assim atrair mais pessoas que gostem de você ou de seu conteúdo, gerando um crescimento constante com a finalidade de chegar a uma grande quantidade de seguidores, permitindo que você comece a ganhar o famoso publipost e a receber mimos de diversas lojas e marcas em sua casa.

Referências Bibliográficas:

Gestão de Qualidade – PDCA. Disponível em: <www.gestao-de-qualidade.info>.  Acesso em: 17 Out 2017.

IG – Como os digital influentes estão mudando a internet e jornalismo. Disponível em:  <www.gente.ig.com.br>.  Acesso em: 17 Out 2017.

Anúncios