Nem todo chefe ou gerente de um projeto é o líder do projeto. A questão é: como tomar as rédeas e se tornar o líder do seu projeto? Ser chefe ou o gerente são termos ultrapassados que não combinam mais com a Geração Z. Saiba mais sobre as habilidades de ser um líder e como começar este projeto.

A geração atual que vivemos é marcada pela fugacidade do tempo onde sofremos mudanças a todo momento e não nos é mais permitido sermos engessados e imutáveis. Por isso, o termo “chefe” tem saído de moda. A nova moda é SER LÍDER.

O termo “chefe” às vezes leva à imagem de um indivíduo intocável, que você nunca alcançará ou chegará em seu patamar, insubstituível, que exerce o velho ditado “manda quem pode e obedece quem tem juízo”. O chefe geralmente manda seus subalternos executarem uma função e amedronta quem não está de acordo. Este termo traz a velha ideia de algum gestor que acha que merece um pouco mais de respeito, um comportamento mais contido, alguém mais sério por sua aparência.

WhatsApp Image 2017-09-07 at 22.35.29

Figura 1 – Imagem ilustrativa de assédio moral a um funcionário/ Fonte: blog.atoz2u.com/wp-content/uploads/2015/09/Fotolia_57541445_Subscription_XL-e1397255281662.jpg

Nossa geração é motivada por grandes líderes, como Steve Jobs, onde o trabalho não é um fardo, mas sim algo engrandecedor em que cada indivíduo sabe do valor de seu trabalho como um todo. Grandes líderes que são visionários e estimulam isso em seus funcionários como Larry Page e Sergey Brin, fundadores da Google, que bonificam seus colaboradores por inovações e incentivam a “pensar fora da caixa”, think outside the box.

Atualmente, cabe mais uma troca de favores entre colaboradores do que propriamente dito uma simples ação imposta.

WhatsApp Image 2017-09-07 at 22.35.25

Figura 2 – Um líder não foca somente os holofotes para ele, mas sim para toda a equipe. / Fonte: https://media.licdn.com/mpr/mpr/AAEAAQAAAAAAAATmAAAAJGUwNDE0Njc0LWNmNDAtNGZhMC1hNTc1LWJjNjI0MWNlMjY0ZQ.jpg

O Líder motiva e engaja as pessoas a executarem determinada tarefa assim como incentiva ao funcionário perceber a importância da sua contribuição para realização de determinado projeto. Podemos defini-lo como uma espécie de funcionário “chave”, que está inserindo diretamente nos processos, sempre buscando melhorias e que atua diretamente sobre a equipe de trabalho contribuindo para fazer do clima organizacional um ambiente sempre produtivo ao grupo e, consequentemente, ao andamento do negócio.

Compete ao verdadeiro líder (não necessariamente o líder de tal equipe deve ser seu gerente ou gestor superior, mas sim quem é responsável por motivar e influenciar positivamente as pessoas de sua equipe) buscar sempre atingir os melhores resultados e manter a força de vontade e a satisfação da equipe alinhadas, em sintonia com as diretrizes da organização (visão e valores).

Visualizamos um Líder como o indivíduo que coloca sua equipe pra cima, que cai pra dentro do projeto sem medo, que “coloca a mão na massa”, que dá o exemplo, que tem visão de presente, passado e futuro, e que planeja cada detalhe de seu projeto. Por isso que quando vemos um gestor que tem tais habilidades para coordenação da equipe e do projeto temos o costume de elogiá-lo como líder. Quantas vezes você já não deve ter escutado “esse cara não é chefe, ele é um LÍDER”?

Ao contrário do que muitos pensam, não é necessário ter dom nato para ter habilidades de um líder e se tornar um. Elas podem ser estudadas e trabalhadas a longo prazo, como um grande projeto para se tornar um líder. Porém, elas não são adquiridas da noite para o dia e muito menos você deve achar que sua equipe irá pra tocar e aderir na gestão de um projeto onde o objetivo é alcançar o sucesso; Isso leva tempo. Sua equipe irá executar o projeto, porém, o responsável pelo sucesso ainda é você. Gerir projetos e entregá-lo com sucesso exige o óbvio, que é habilidade, técnica, vivência, experiência e, assim, o conhecimento em gestão de projetos.

Abaixo está uma figura que exemplifica algumas diferenças entre um chefe e um Líder.

WhatsApp Image 2017-09-07 at 22.35.15

Figura 3 – Diferenças entre um chefe e um líder / Fonte: https://jeromeguy.files.wordpress.com/2016/05/boss-vs-leader-fr.png?w=1000

Vamos falar um pouco mais sobre algumas habilidades que são construídas no dia a dia de um organização e que contribuem para o projeto “Quem quer ser um Líder?”

  • CONHECER SEUS LIDERADOS E ALINHAR EXPECTATIVAS

Um líder deve alinhar os objetivos da sua equipe e conhecer um pouco sobre cada um, assim como suas expectativas, para que o resultado final seja concretizado com sucesso, atendendo as necessidades da organização e de seus colaboradores, evitando ao máximo frustrações pois estas são as maiores causadoras de desmotivação em um projeto.

  • MOTIVAR A EQUIPE

Para termos as necessidades da organização alcançadas, devemos desempenhar um bom trabalho, obter sucesso em projetos e trabalhar duro. Como conseguir isso de pessoas que não sabem do valor de seu trabalho ou se apresentam desmotivadas quanto ao seu futuro na organização? Motivar os funcionários não é uma tarefa fácil, mas podemos citar que “dar o exemplo” seja a grande chave para motivar e engajar pessoas. Os seres humanos costumam se compadecer e seguir um mesmo fluxo quando veem algo grande sendo feito ou quando veem resultados de sucesso serem executados. Dar exemplo é de graça, não é custoso e surte efeitos em escala às vezes imensuráveis. Como Albert Schweitzer disse: “Dar o exemplo não é a melhor maneira de influenciar os outros. É a única.”.

Segue uma boa comparação feita por Leonardo de Campos, diretor da Simbiose Eu comparo o papel de um líder ao de um maestro regendo sua orquestra. Ele precisa conhecer seus músicos, o virtuosismo e o potencial de cada um, precisa dar o tom, coordenar e sincronizar todos os instrumentos, motivar e inspirar os músicos para darem o melhor de si e trabalharem em equipe para conquistar o melhor resultado possível: uma linda sinfonia”.

 

  • ESTAR EM CONSTANTE PROCESSO DE APRENDIZAGEM

Um Líder parado no tempo não é líder. Quem está no comando precisa manter o grupo sempre alimentado de novidades e estimular a equipe a ter o hábito dos estudos contínuos e da pesquisa pois assim novas ideias surgem para um projeto.

 

  • VISÃO DE FUTURO/ VISÃO DE NEGÓCIO

Todo líder deve ter visão de futuro, ou seja, ele deve ser capaz de analisar o presente, mediante uma experiência/vivência do passado, e alinhar o projeto de acordo com os objetivos a serem alcançados no futuro. Para isso, é necessário que ele tenha visão do negócio como um todo, que participe ou já tenha participado ativamente dos principais processos críticos. Um Líder não precisa estar envolvido efetivamente na operação do projeto, mas ele nunca pode deixar de estar aberto a ouvir seus funcionários que estão imersos na operação, para que assim possa gerenciar os pontos críticos do cotidiano e alinhar novamente o processo como um todo para o futuro, utilizando sua experiência prévia.

 

  • PLANO DE CONTINGÊNCIA

Um bom líder deve ter firmeza e boa tomada de decisão quando os problemas surgirem. A capacidade de gerenciar crises é inerente ao Líder. Ele deve ser capaz de criar planos de contingência para situações adversas, manter o controle da situação, pois Líderes devem tomar estas situações como potenciais desafios que contribuam ao seu desenvolvimento assim como de sua equipe como um todo. Neste caso, um Líder deve manter o controle da situação no sentido de canalizar as energias da equipe em função do objetivo, procurando sempre utilizar a melhor ferramenta para ambos os lados: funcionários e organização. Uma outra característica essencial é a negociação de prazos. Esta última não pode faltar a um líder. Ele sempre lidará com diferentes interesses e deverá encontrar uma solução satisfatória para ambos.

A persistência também deve ser citada. Caso ainda assim os planos de contingência criados pelo líder não funcionem, a persistência no projeto deve continuar pois um Líder deve saber que ele pode errar e que é com seus erros que ele se desenvolve, se supera e adquire experiências para situações futuras.

 

  • UM LÍDER PREPARA SUCESSORES

Por último podemos citar que um Líder prepara seus sucessores. Por procurar sempre atender às expectativas de todos seus funcionários, isso não quer dizer que um Líder deve olhar para todos sob o mesmo perfil. Cada pessoa tem sua particularidade, seu ponto alto e seu ponto fraco, seus almejos e suas expectativas futuras. Um líder deve ser capaz de identificar dentre todos de sua equipe aqueles que tenham interesse em seguir neste projeto pois neste caso é preciso contar essencialmente com o engajamento dos sucessores. Estamos falando no plural por que um verdadeiro Líder deve ter ciência que investir em um único sucessor é arriscado, uma vez que pensamos que o sucessor é a pessoa mais capacitada da equipe ela pode ser levada pela concorrência.

Basicamente para preparar sucessores um líder deve dar autonomia aos seus liderados, obtendo ganhos como maior autonomia para tomada de decisão da equipe, um nível de maturidade elevado e colaboradores trabalhando em seu máximo potencial, e também deve contar com o envolvimento próprio da pessoa na causa.

WhatsApp Image 2017-09-07 at 22.35.16

Figura 4 – Chefe usa as pessoas, Líder desenvolve as pessoas / Fonte: https://i.imgur.com/469SYhg.jpg

 

Pense: Você deve ser um Líder como você gostaria de ter.

 


Referências Bibliográficas:

http://www.duomoeducacao.com.br/Lideranca/desenvolvimento-de-sucessores-missao-ou-ameaca.html acessado em setembro de 2017

http://stakeholdernews.com.br/artigo/lider-de-projetos-sucesso/ acessado em setembro de 2017

https://www.projectbuilder.com.br/blog-pb/entry/carreira/as-7-habilidades-essenciais-do-gerente-de-projetos acessado em setembro de 2017

https://www.projectbuilder.com.br/blog-pb/entry/pessoas/entenda-o-papel-do-lider-no-gerenciamento-de-projetos acessado em setembro de 2017

http://nelsonrosamilha.blogspot.com.br/2014/06/o-papel-do-lider-em-projetos-de-sucesso.html?m=1 acessado em setembro de 2017

https://laborimportshop.com.br/blog/atendimento/lider-ou-chefe-em-qual-voce-se-encaixa acessado em setembro de 2017

http://geracaodevalor.com/blog/sobre-chefes acessado em setembro de 2017

http://geracaodevalor.com/blog/o-papel acessado em setembro de 2017

http://www.google.com.br/amp/exame.abril.com.br/negocios/13-atitudes-que-diferenciam-bons-lideres-de-chefes/amp/ acessado em setembro de 2017

http://www.catho.com.br/carreira-sucesso/gestao-rh/lideranca/a-importancia-do-lider-para-o-desenvolvimento-das-organizacoes acessado em setembro de 2017

Anúncios