Você é capaz de gerenciar um Projeto? Descubra se é mesmo…

A vida é feita de projetos, alguns obtém-se o sucesso e outros o fracasso. Como gerenciar projetos em ambas áreas da nossa vida?

Segundo Newton (2011), um projeto é basicamente um modo de trabalho, um modo de organizar pessoas e um modo de gerenciar atividades. É um estilo de coordenação e gestão de trabalho. O que o diferencia dos outros estilos de gestão é que ele é focalizado em um resultado específico. Quando esse resultado é alcançado, o projeto deixa de ser necessário e cessa.

Todo projeto é exclusivo, tem início, meio e fim, tem recursos limitados e tempo determinado. Entretanto, não são todos os projetos que serão concluídos e tampouco concluídos com sucesso. Cada qual com seus aspectos, dificuldades, incertezas e peculiaridades diferentes.

Assim como profissionalmente, na vida pessoal fazemos muitos projetos, porém alguns são interrompidos, uns concluídos, uns fracassados e outros obtidos o sucesso.

O que vem a ser um projeto de sucesso?

Segundo Barcaui (2006), um projeto de sucesso envolve a entrega de todo o escopo acordado, dentro do prazo e orçamento combinados, com qualidade e com a satisfação do cliente tanto na condução do projeto quanto no resultado entregue.

Ainda segundo Barcaui (2006), pesquisadores mais contemporâneos começam a considerar novas perspectivas no que diz respeito a sucesso. Por exemplo, o sucesso é extremamente temporal. Ou seja, o que é sucesso hoje pode não ser amanhã. É por isso que as melhores metodologias de gerência de projeto sempre preveem uma revisão do projeto não só ao seu final, mas também um tempo depois de ter terminado.

O gerente de projeto deve possuir competências para conduzir de maneira eficaz as etapas do empreendimento (produto), satisfazendo as necessidades das partes interessadas (stakeholders), com a possibilidade de realizá-lo em menores prazos e custos e com qualidade, obtendo assim um projeto bem sucedido.

Mas quais são as competências de um gerente de projeto?

Segundo Varella (2010), o desempenho do gerente depende essencialmente de resultados. Mas, para concretizar bons resultados, o gerente competente precisa dominar três conjuntos de elementos, diferentes porém complementares:

  • Conhecimentos, Técnicas e Ferramentas – A aplicação de um processo, uma técnica, enfim uma prática de gerenciamento de projetos requer uma atuação gerencial adequada para coordenar ações entre outras atividades.
  • Competências de Atuação Gerencial – Atuar como Gerente significa conduzir a execução de atividades gerenciais como identificar e analisar riscos, identificar os stakeholders, seus interesses e necessidades; priorizar requisitos; definir atividades, recursos e custos; desenvolver o plano de gerenciamento do projeto; dirigir e controlar a execução do trabalho; entregar e obter a aprovação das entregas, etc.
  • Competências Pessoais – Atuando como Gerente de Projeto você terá que interagir com muitas pessoas (clientes, usuários, fornecedores, gerentes e executivos das organizações envolvidas), afinal é um trabalho em equipe, onde precisa ser estabelecida uma comunicação efetiva e um relacionamento positivo com eles.

 

520d7de0-fa09-4528-b531-e86bb1b82d3f
Figura 1 – Principais competências de um Gerente de Projeto – Fonte: Autora

Na figura 1, podemos demonstrar algumas das principais competências de um gerente de projeto. Entretanto, todas essas habilidades adquiridas ou não devem ser utilizadas, para realizar qualquer tipo de projetos, inclusive em sua vida pessoal.

Que tipo de projeto estamos falando?

O tempo todo estamos envolvidos em projetos. Projeto não é algo novo, desde os primórdios da humanidade se gerencia projetos. Entre eles, podemos citar a Arca de Noé, as pirâmides do Egito, entre outros.

Não há dúvidas, que você já realizou, planejou algum projeto pessoal… Agora, se obteve sucesso ou fracasso, você como bom Gerente de Projetos em sua vida deve responder…

Aquela sua viagem dos seus sonhos não é um projeto?  Ou aquela sua festa de aniversário? Se você planejou, organizou, executou, controlou atividades dentro de determinados prazos e custos e atendeu as expectativas das partes interessadas (você, família e amigos)?  Se a resposta foi SIM, você já gerenciou algum projeto pessoal, caso a resposta seja NÃO, você não obteve o esperado em seu projeto. Neste empreendimento pessoal pode ter ocorrido alguma falha em sua realização. Podemos destacar algumas possíveis ocorrências no projeto:

  • Falta de entendimento do escopo do projeto – é de extrema importância entender, definir e saber gerenciar um empreendimento.
  • Execução de atividades de forma incorreta – saber como fazer o procedimento desejado.
  • Cronograma incompatível com a complexidade das atividades – elaborar o tempo de executar cada atividade de acordo com suas peculiaridades.
  • Custos acima do planejado – gerenciar o preço das aquisições e materiais.
  • Falta de comunicação – o feedback é uma ferramenta chave na comunicação de projetos, que deve ser praticada.
  • Ocorrências de imprevistos – a identificação e a redução de riscos.

Muitas são as problemáticas que podem ocorrem na execução de qualquer projeto/produto/empreendimento. Porém o Gerente de projetos tem que estar apto para prevenir, solucionar e controlar algumas situações.

Alguns de vocês já realizaram, estão realizando ou irão realizar um projeto chamado “Faculdade”. É um empreendimento pessoal de alta complexidade, longa duração, com muitos riscos, porém com alto grau de satisfação se concluído com sucesso. Deve-se ter um bom planejamento, controle de atividades, prazos e custos, dedicação e uma preciosa comunicação entre a equipe (universitário e professor). Se não houver estes aspectos, podem ocorrem algumas falhas, interrupções e até mesmo o abandono do projeto. E quando este está sendo realizado como esperado, acaba surgindo outros projetos a partir deste, como o projeto “estágio”, o projeto “intercâmbio”, entre outros projetos neste mesmo segmento.

Na vida realizaremos sucessivos empreendimentos, cada um com seus aspectos, peculiaridades, riscos e grandeza. Alguns desses serão obtidos com menor custo, dentro do prazo e superando as expectativas, já outros não serão executados com sucesso. É preciso utilizar habilidades, conhecimento, técnicas, planejamento para alcançar bons resultados em qualquer tipo de projeto. É preciso que os nossos sonhos/projetos não fiquem de lado, eles tem que estar em andamento, assim como os projetos profissionais.

 

Referências Bibliográficas:

BARCAUI, A. B.- Gerente também é gente – um romance sobre gerência de projetos – 9ª triagem – Brasport – Rio de Janeiro, 2006 – pág. 59 a 64

NEWTON, R. – O Gestor de Projetos – 2ª Edição- Pearson Education do Brasil, São Paulo, 2010 – pág. 1 a 9

VARELLA, L., – Aprimorando as competências de Gerente de Projetos – O sucesso no desempenho gerencial – 2ª triagem – Brasport – Rio de Janeiro, 2010 – pág. 1 a 13

PMI – Project Management Institute. https://brasil.pmi.org/brazil/AboutUs/WhatIsProjectManagement.aspx. Acesso em: 23/03/2017.

Anúncios